O FUNDO DO POÇO ...




Existem dias em que tudo o que enxergamos é o poço profundo,
 é onde o abatimento pelas situações contrárias pesa,
 é quando não temos mais desejo por nada.
 Nosso olhar é para o chão, com foco no vazio.
 Se dormimos, não sonhamos,
 se sonhamos, são pesadelos,
 se tentamos nos animar, é passageiro,
 é como uma brisa que passa,
 quando precisamos é de vento.

Pois é do fundo de poço que te faço o convite:
 - olhe para cima!
 Há uma luz brilhando na saída do poço!
 Há uma esperança enorme que pode ser convertida,
 que pode deixar de ser utopia para ser realidade.
 Não olhe mais para o seu tamanho,
 nem se fixe nos problemas,
 apenas olhe para o alto do poço,
 veja o sol refletindo nas paredes,
 veja as gotas da chuva alimentando a terra,
 gerando nova vida.
 Assim, eu te digo, que Aquele que se preocupa com a semente,
 que se importa com os passarinhos,

que tem velado pelas árvores, pelos oceanos,
 se preocupa com você,
 e tem tanto amor para lhe entregar,
 que mesmo entre as piores dores,
 você vai se levantar.

Esse é o Deus que não mede distâncias,
 que não escolhe privilegiados,
 que hoje sai pelas ruas em busca dos que estão doentes,
 dos que estão encarcerados em si mesmos,
 dos que tem a visão embaçada,
 e até daqueles que nunca o procurou,
 e se mostra simples, se faz humilde,
 abre os braços fraternos e diz:
 Estou aqui!

Entregue-se a este abraço eterno!
 Que te aliviará os fardos do tempo,
 renovará sua jornada, te fará uma nova pessoa,
 pois em Cristo, tudo se renova,
 tudo se faz novo, até o fundo do poço,
 ganha cores impressionantes,
 e deixa de ser um buraco escuro,
 para ser plataforma para a sua subida,
 para o alto, seguro e confiante,
 repetindo com certeza, sem hesitação:
 - Cristo está comigo, a quem temerei?
 Esta é a minha mensagem, para o seu coração.
 Que assim seja!

Paulo Roberto Gaefke




Namasté...

Sem comentários: