A ÁRVORE DOS PROBLEMAS ...




Esta é uma história de um homem que contratou um carpinteiro para ajudar a arrumar algumas coisas na sua fazenda.

 O primeiro dia do carpinteiro foi bem difícil.
 O pneu do seu carro furou.
 A serra elétrica quebrou.
 Cortou o dedo.
 E ao final do dia, o seu carro não funcionou.

O homem que contratou o carpinteiro ofereceu uma carona para casa.
 Durante o caminho, o carpinteiro não falou nada.
 Quando chegaram a sua casa, o carpinteiro convidou o homem para entrar e conhecer a sua família.

Quando os dois homens estavam se encaminhando para a porta da frente, o carpinteiro parou
junto a uma pequena árvore e gentilmente tocou as pontas dos galhos com as duas mãos.

Depois de abrir a porta da sua casa, o carpinteiro transformou-se.
 Os traços tensos do seu rosto transformaram-se em um grande sorriso, e ele abraçou os seus filhos e beijou a sua esposa.

Um pouco mais tarde, o carpinteiro acompanhou a sua visita até o carro.
 Assim que eles passaram pela árvore, o homem perguntou:

- Porque você tocou na planta antes de entrar em casa ?

- Ah! esta é a minha Árvore dos Problemas. Eu sei que não posso evitar ter problemas no meu trabalho, mas estes problemas não devem chegar até os meus filhos e minha esposa.

- Então, toda noite, eu deixo os meus problemas nesta Árvore quando chego em casa, e os pego no dia seguinte.

- E você quer saber de uma coisa?

- Toda manhã, quando eu volto para buscar os meus problemas, eles não são nem metade do que eu me lembro de ter deixado na noite anterior.

Desconheço o autor



Namasté...

APRENDENDO A GOSTAR DE SI MESMO ...




Amar a nós mesmos parece simples, mas às vezes é muito difícil.
Eu gostaria de ensinar algumas maneiras que descobri para aprendermos a nos amar melhor.
E quero insistir carinhosamente para que vocês as pratiquem sempre, porque as mudanças que elas podem proporcionar são impressionantes.
O amor é respeitoso, generoso, solidário e cheio de compaixão.
Quem ama a si mesmo entra em sintonia com o universo no que ele tem de melhor, e tudo flui em sua vida.

"A Bíblia diz: Ama a teu próximo como a ti mesmo.
Por mais simples e clara que esta afirmação possa parecer, levei muito tempo para me dar conta do que significa "amar a si mesmo" e para saber que se não amarmos e respeitarmos a nós mesmos seremos incapazes de qualquer amor verdadeiro pelos outros.
Alguns talvez digam que amar a si mesmo é vaidade, egoísmo e arrogância.
Talvez seja por isso que esse amor por nós mesmos não é despertado e estimulado em nós desde pequenos.
Pelo contrário, somos formados para atender o desejo alheio, a expectativa dos pais, as exigências dos professores, as ordens dos adultos.
Lutamos desesperadamente para atender o desejo dos outros, achando que assim seremos amados por eles.

E nesse esforço perdemos de vista o incrível milagre que cada um de nós é como centelha divina e esplêndida expressão da vida.
As atitudes de vaidade, egoísmo ou arrogância não revelam amor por nós mesmos.
Revelam medo, insegurança, necessidade de afirmação.
Essas atitudes são disfarces, são escudos para ocultar as carências que incomodam e fazem sofrer.
Pense nisso sempre que uma pessoa arrogante intimidar ou procurar diminuir você.
O amor é respeitoso, generoso, solidário e cheio de compaixão.
Quem ama a si mesmo entra em sintonia com o universo no que ele tem de melhor, e tudo flui em sua vida.

Como é que amamos um filho querido para que ele cresça e se desenvolva dentro de suas características próprias?
É procurando conhecê-lo tal como ele é, e não como gostaríamos que ele fosse.
É acolhendo suas necessidades e estimulando suas capacidades.
É ajudando-o a superar suas dificuldades e colocando limites para que ele se dê conta dos direitos dos outros.
É tendo para ele um olhar de amor que reconhece, respeita, valoriza, levando-o a descobrir a pessoa única e especial que ele é.
Levando-o a amar a si mesmo.
Por que então não fazemos o mesmo conosco?
Somos adultos, está na hora de cuidarmos de nós como o faríamos com um filho querido.
Está na hora de aprender a amar a nós mesmos.

Louise Hay



Namasté...

10 MANDAMENTOS DA SERENIDADE ...




1. Só por hoje, tratarei de viver exclusivamente este meu dia, sem querer resolver todos os meus problemas de uma só vez.
2. Só por hoje, terei o máximo cuidado com o meu modo de tratar os outros, sendo delicado em meus modos, não criticando/julgando ninguém, não tentando melhorar ou disciplinar ninguém senão a mim mesmo.

3. Só por hoje, me sentirei feliz com a certeza de ter sido criado para ser feliz, não só no outro mundo como neste também.

4. Só por hoje, me adaptarei as circunstâncias sem pretender que as circunstancias se adaptem aos meus desejos.

5. Só por hoje, dedicarei pelo menos 10 minutos de meu tempo a uma boa leitura, lembrando-me que assim como é preciso comer para sustentar o corpo, assim também a leitura é necessária para alimentar a vida de minha alma.

6. Só por hoje, praticarei uma boa ação sem contar para ninguém.

7. Só por hoje, se for ofendido em meus sentimentos procurarei que ninguém saiba.

8. Só por hoje, farei um programa bem completo do meu dia. Talvez não o execute perfeitamente mas, em todo caso, vou faze-lo. E me guardarei bem das suas calamidades – a pressa e a indecisão.

9. Só por hoje, serei firme em minha fé de que a Divina Providencia se ocupa de mim como se existisse somente eu no mundo, ainda que as circunstancias manifestem ao contrário.

10. Só por hoje não terei medo de nada. Em particular, não terei medo de gozar do que é belo e não terei medo de crer na bondade.

Pesquisa de: Fátima dos Anjos



Namasté...

5 DICAS PARA ACABAR COM O CANSAÇO ...



Confira 5 maneiras de acabar com o cansaço decorrente da rotina estressante e recarregue as energias
Livre-se já do cansaço e recarregue as energias para viver bem diariamente
Nos dias de hoje, são raras as pessoas que não reclamam do cansaço, resultado da rotina estressante. 
A boa notícia é que para acabar com ele bastam pequenas mudanças de hábitos, como diminuir a carga das atividades rotineiras, fazer o dia render mais, desacelerar, livrar-se da culpa e esvaziar a mente por alguns momentos. 
Veja então como colocar cada uma das lições citadas em prática e recarregue as energias.

1. Diminua a carga
Quem vive com a agenda cheia não tem mesmo como tocar o dia sem se sentir à beira de um ataque de nervos. A única forma de diminuir a carga é ser realista com o que você de fato consegue fazer sem abrir mão de sua saúde e vida pessoal. Tenha uma conversa com seu chefe e equipe para, juntos, avaliarem que tarefas podem ser passadas para outra pessoa.

2. Faça o dia render mais
Uma forma certeira de acomodar os afazeres dentro do seu dia é colocá-los num papel, anotando quantos minutos cada tarefa vai lhe tomar. Recorte os itens e arrume-os em fila - afinal, você só conseguirá se dedicar a uma atividade por vez. Encaixe as tarefas de modo a ter um tempo também para você.

3. Desacelere
O mundo vive uma cultura da pressa, onde todos os pedidos são para ontem, mas vale a pena questionar o estrago que essa correria causa no corpo. Para se ter uma ideia, muita gente já não busca mais os tais cinco minutos de fama, mas cinco minutos de sossego. Desacelere!

4. Livre-se da culpa
O cansaço é primo da culpa, aquele fardo que a gente arrasta quando percebe que não tem dedicado tempo suficiente para os filhos, o marido, a alimentação, a casa, o bicho de estimação... Para livrar-se desse peso, pense mais em oferecer qualidade do que quantidade de tempo: seu filho vai preferir que vocês passem 20 minutos brincando numa noite em vez de ter a mãe presente o dia todo, mas exausta, sem paciência e largada no sofá. Procure adaptar esse raciocínio da qualidade às outras atividades e verá como a culpa e o cansaço diminuirão rápido.

5. Esvazie a mente
Busque algo que lhe dê prazer - dançar, fazer tricô, cuidar das plantas, ir ao culto ou à igreja, jogar uma partida de buraco - e assuma o compromisso consigo mesma de incluir um tempinho para isso ao longo da semana. Atividades prazerosas funcionam para o cérebro como uma meditação, recarregando a energia imediatamente e abrindo espaço para que sentimentos mais positivos prosperem.


Desconheço o autor

Namasté...