A SABEDORIA DO SILENCIO INTERNO ...



O teu silêncio interno torna-te impassível.
Se fizeres uso regular, podes educar o teu ego, que tem o mau costume de estar a falar o tempo todo.
Progressivamente desenvolverás a arte de falar sem falar, e a tua verdadeira natureza interna substituirá a tua personalidade artificial, deixando aparecer a luz do teu coração e o poder da sabedoria do silêncio.

Procura ser breve e preciso, já que cada vez que deixares sair uma palavra, deixas sair uma parte do teu chi (energia).
Assim aprenderás a arte de falar sem perder energia.

Tudo o que o que te incomoda nos outros é uma projecção do que não venceste em ti mesmo.
Procura ocupares-te de ti mesmo, sem te preocupares em te defenderes, pois isso só aumenta a impressão de falso poder do outro. Julgar é uma maneira de esconder as nossas próprias fraquezas.
O sábio tolera tudo sem dizer uma palavra.

Não saber é muito incómodo para o ego porque ele gosta de saber tudo, ter sempre razão e dar a sua opinião muito pessoal. Mas, na realidade, o ego nada sabe, simplesmente faz acreditar que sabe.

Aprende a ser como o universo, a escutar e a refletir a energia, as suas emoções densas ou preconceitos.
O universo é o melhor exemplo de um espelho que a natureza nos deu, porque aceita, sem condições, os nossos pensamentos, emoções, palavras e acções, e envia-nos o reflexo da nossa própria energia através das diferentes circunstâncias que se apresentam nas nossas vidas.

Converte-te no seu próprio mestre e deixa os demais serem o que têm a capacidade de ser.
Não entregues a responsabilidade pela tua vida e saúde nas mãos dos outros, que não podem conhecer realmente, a fundo, o que os teus corpos precisam (físico, emocional, mental, espiritual).


Apenas tu mesmo pode acessar esse conhecimento, com a tua intuição.
Graças a essa força, atrairás para ti tudo o que necessitas para a tua própria realização e completa libertação.


(autor desconhecido)

Namasté...

Sem comentários: