PÁRE DE FINGIR ...



Já pensou em quanta energia as pessoas gastam na tentativa de mostrar que não se importam com o que perdem?
Na fábula “A raposa e as uvas”, uma raposa estava morrendo de vontade de comer as uvas que encontrou pela frente.
Saltou algumas vezes e não as alcançou.
Então foi embora tentando disfarçar sua frustração.
Olhou para os lados e disse: – Elas estavam verdes!
Já pensou em quanta energia as pessoas gastam na tentativa de mostrar que não se importam com o que perdem?
A raposa pelo menos saltou algumas vezes para buscar o que queria.
E você – tem ido atrás do que quer na vida?
Está consciente do que lhe trará felicidade?
Deixa-se contagiar pela angústia de não realizar seus sonhos?
Tem sentido a dor de não estar ao lado da pessoa que ama?
Há pessoas capazes de mostrar indiferença às maiores paixões de sua vida.
Se você se der conta que está se enganando, buscando desculpas baratas para suas desilusões, é melhor perceber o que tenta de fato esconder com essa atitude superficial e ir em busca das uvas que tanto deseja.
Você até pode mentir para os outros, mas mentir para si mesmo é uma catástrofe!
É hora de reflectir e agir de arriscar e ver o que a vida preparou para você. Hora de encarar o mundo de frente, sem desculpas, assumindo seus sentimentos.
Vida é o que acontece enquanto você faz planos.
Vida é o que acontece enquanto você tenta esconder seus sonhos de si mesmo.
Desconheço o Autor

Namasté...

Sem comentários: